Maia diz que irá barrar MP prometida por Temer para mudança em reforma trabalhista 


Em uma sessão tumultuada, a reforma trabalhista foi aprovada no plenário do Senado por 50 votos a 26. Antes da votação, o plenário teve mesa ocupada pelas senadoras da oposição e luz e microfone cortados.Com o texto aprovado, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou que “nenhuma MP será reconhecida pela casa” em sua conta no Twitter. “A Câmara não aceitará nenhuma mudança na lei. Qualquer MP não será reconhecida pela Casa”, escreveu Maia.

Fonte: Maia diz que irá barrar MP prometida por Temer para mudança em reforma trabalhista | Congresso em Foco

Anúncios

Obrigado por seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s