Violência e abstenção na votação da Constituinte de Maduro


A votação para a Assembleia Nacional Constituinte proposta por Nicolás Maduro mergulhou, neste domingo, a Venezuela em uma espiral de violência sem precedentes durante um processo eleitoral com pelo menos 15 mortos desde a noite de sábado, e encaminha o país a partir desta segunda-feira a uma intransponível fratura da sociedade e das instituições. O Governo seguiu em frente com seu plano de redigir uma nova Constituição e realizou eleições rejeitadas em bloco pela oposição – que não apresentou candidatos e promete agora redobrar seu enfrentamento ao regime – e boa parte da comunidade internacional.

Fonte: Violência e abstenção na votação da Constituinte de Maduro | Internacional | EL PAÍS Brasil

Anúncios

Obrigado por seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s