Janaína Paschoal exige explicações após fraude nas urnas eletrônicas da Venezuela e é retrucada por Gilmar Mendes


A jurista Janaína Paschoal cobrou explicações do TSE após a denúncia de fraude nas eleições venezuelanas. A própria empresa Smartmatic, responsável pela eleição venezuelana, denunciou a fraude, com a contabilização de cerca de 1 milhão de eleitores a mais em um total de 8 milhões de votos. Como a empresa prestou serviços ao TSE, Janaína Paschoal pediu um pronunciamento do TSE. O ministro Gilmar Mendes, que preside o TSE, respondeu a algumas das questões.

Fonte: Folha Política: Janaína Paschoal exige explicações após fraude nas urnas eletrônicas da Venezuela e é retrucada por Gilmar Mendes

Anúncios

Obrigado por seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s