Melhor não prender Lula?


Alerta Total
Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão  serrao@alertatotal.net
Estrategicamente falando e indagando: Vale a pena prender Luiz Inácio Lula da Silva, após confirmada sua condenação por órgão judicial colegiado, em segunda instância? Torcedores anti-petralhas responderão que sim. Mas quem raciocina política e corretamente dirá que não. Ou melhor: Ainda não… Mais cauteloso e prudente é aguardar como Lula sairá de outros processos, também com grandes chances de condenação. É enorme a chance de ele se tornar “inelegível” pela Lei da Ficha Limpa.
Pessoas mais precipitadas insistem na tese de que, se não for preso e puder disputar a eleição de 2018, Lula tem “grandes chances” de voltar à Presidência da República. O raciocínio equivale a um palpite para ganhar sozinho na megasena. Lula hoje é uma figura desmoralizada no mundo todo. É muito provável e previsível que a seita dele, o PT (ou Partido da Traição), sofra uma das mais acachapantes derrotas da História. O sistema de Poder Global, que manda de verdade no Brasil sem soberania, não quer Lula. Portanto, a chance real dele vencer é mínima.
Ser preso, para posar de vítima, é tudo que Lula deseja, logo no começo do ano. Além da prisão em segunda instância ser um tema polêmico, Lula aposta que consegue, facilmente, um habeas corpus no Superior Tribunal de Justiça. Quem cuida da Lava Jato no STJ é o ministro Félix Fischer. Nos meios jurídicos, a aposta é que ele conceda a decisão liminar para manter Lula “soltinho da silva”. Lá impera a jurisprudência de que a prisão só é válida depois de esgotada toda a instância ordinária de recursos.
A galera torce para que Lula tenha sua condenação imposta por Sérgio Moro confirmada pelos três desembargadores da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, sediada em Porto Alegre. O julgamento, marcado para começar dia 24 de janeiro, tem previsão de terminar no dia 28 ou 29, ainda antes de encerrar o recesso oficial do judiciário, em 31 de janeiro. O recurso ao STJ é quase certo.
A chance de Lula ficar inelegível é gigantesca. O Libertador-Geral da República, Gilmar Mendes, já avisou: “Se for condenado em segunda instância, pela Lei da Ficha Limpa, Lula fica inelegível”. Advogados dele e a Petelândia já sabem disto. Por isso, até que sejam oficializadas as candidaturas para 2018, até 20 de julho, Lula seguirá em sua campanha presidencial fora de hora. Brincará de ser candidato até quando der… A novela tende a ir longe, porque Lula recorrerá contra a quase certa rejeição de sua candidatura pelo Tribunal Superior Eleitoral. O caso deve se arrastar até a véspera do fla-flu eleitoreiro agendado para 7 de outubro…
A não ser que cometa alguma besteira grave, Lula não deve ser preso após uma eventual confirmação de condenação pelo TRF-4. Além disso, é quase certo que o Supremo Tribunal Federal irá rever a regra da prisão em segunda instância. Na fria “interpretação” do que está escrito na Carta Vilã de 1988, o encarceramento é inconstitucional. Resumindo: o Supremo deve rever sua decisão e reafirmar que só se pode prender depois do famoso “trânsito em julgado”. Ou seja, cadeia só depois de esgotados todos os recursos (que parecem infindáveis no judasciário de Bruzundanga).
A Petelândia e seu mito decadente Lula vão infernizar a campanha eleitoreira, até o limite máximo tolerável. A atitude deles só vai desmoralizar, ainda mais, um processo eleitoral de resultado inconfiável, porque o TSE não aceita viabilizar a recontagem de votos. O dogma da votação eletrônica sem direito à conferência só agrava o problema político brasileiro.
A ampliação do desgaste entre os poderes, em 2018, vai acelerar as pré-condições históricas para a inédita Intervenção Institucional – que é a solução para o Brasil. O resto é conversa fiada e mesmice.
Vida que segue… Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!
O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total:www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 
A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 31 de Dezembro de 2017.

Anúncios

Obrigado por seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s